COMO TER UM HALL AUSPICIOSO!

Em Dezembro de 2015, resolvi que mudaria, acho que desejei isso com tanta força, com tanta energia nos últimos meses, que o Universo e a Espiritualidade me fizeram tomar um caminho, meio que às pressas e quando vi, estava mudando de apartamento. Na realidade, o outro, aonde eu estava, já não me cabia mais, então, como tudo que a gente pensa e sente, fortemente, termina acontecendo, em janeiro desse ano me vi no meio de uma mudança repentina, porém, necessária e importante, para a nova fase que se aproxima em minha vida!

Durante esse processo, entre arrumações, definições de lugares, estruturação, comecei a me lembrar de técnicas bem básicas do Feng Shue que uso a anos e, lógico, já vim aqui, compartilhar com vocês para que todos conheçam a importância da porta de entrada nas boas energias de nossa casa. Vamos lá?

O hall de nossa casa, nada mais é do que o portal de transição entre o mundo lá fora e nosso refúgio, nossa útero, o nosso altar particular: o local onde temos o poder de deixar aconchegante e acolhedor, dentro das possibilidades que cada imóvel oferece. É bom lembrar, sempre, que para fazermos, qualquer alteração e utilizar o Feng Shue, que utiliza o Banguá, adaptando os Hemisfério Sul, é necessário que estejamos aptos e termos o conhecimento necessário para o uso dessas técnicas que nos ajudam a criar essa sensação de bem estar e positividade em nossas casas.

O hall de entrada, dessa forma e seguindo essas observações milenares, deve ter luz clara e forte, também, sobre a fechadura, com espaço suficiente para abrir a porta com facilidade, um pequeno sino de vento de porta, com som suave e harmonioso, onde devemos ter o cuidado de evitar a utilização dos de pedra, ou com som estridente.

Ele deve ser colocado na parte de dentro da porta, parafusado, ou com adesivo e é muito importante esse elemento, porque dissipa qualquer energia densa e negativa de quem chega e de quem saí de nossas casas.

Os capachos deve nos dar as boas- vindas, com cores fortes e alegres como vermelho, laranja, amarelo, que levantam nosso astral. Os pretos, por esconder a sujeira, facilitam, mas não agem positivamente nas entradas das casas.

Um banguá para o Hemisfério Sul, com espelho no centro deve ser colocado acima da porta de entrada, no centro do batente, filtrando as energias e o Olho Grego, também, possuí a capacidade de combater negatividades. Mas, o banguá é um símbolo maior da harmonia com a Natureza que se deseja alcançar. O importante, é não se esquecer de limpar, periodicamente, todos os objetos, para que os mesmos, mantenham as suas funções.

Preocupe-se com a aparência da primeira coisa que você e as outras pessoas verão ao entrar em sua casa: deve ser algo positivo para a nossa energia.  Um objeto de proteção voltado para a porta, que pode ser até uma pequena medalha colocada de frente para a porta de entrada, de dentro da sala, por exemplo, também, são elementos auspiciosos. Não se esqueça: essas orientações devem ser seguidas, levando em consideração as particularidades de cada entrada. O bom senso é fundamental para criarmos beleza, proteção e sensação de aconchego. Quando possível, tapetes são muito acolhedores.

Em relação aos móveis do hall os indicados são aqueles com os quais você se identifique e, para essa questão, é preciso personalizar: o tamanho do hall fará toda a diferença nesta hora. Evite móveis e objetos muito antigos, pesados, escuros. Os espelhos devem ser de excelente qualidade, sem distorcer a imagem. A ideia deve ser de leveza e acolhimento.

Para apartamentos, onde não existe luz natural, podemos colocar um objeto decorativo pesado em pedra, ou metal, e, caso exista elevador em frente, será necessário colocar um à porta espelho, para estabilizar a forte energia movimentada pelo elevador. A famosa energia do “SOBE E DESCE”. O espelho deve ser colocado em altura suficiente para que pessoas altas se vejam, sem necessidade de curvar a cabeça.

Em relação aos halls de entrada, uma técnica bastante utilizada e que é de grande positividade é o preparo de um recipiente de vidro, ou cristal com pedras, como a turmalina negra, quartzo rosa, quartzo verde e cristal transparente, para ser colocado sobre um aparador. Não esquecendo, evidentemente, de limpar as pedras, semanalmente, deixando-as na água com sal grosso por meia hora e depois lavá-las em água corrente e, se possível, deixá-las secar ao sol.

Quanto às cores e iluminação a indicação para pequenos halls, sempre são as cores claras, que darão a impressão de maior claridade e espaço. Halls maiores até podem ousar, mas sempre lembrando de que cores muito fortes podem cansar e pesar o ambiente.

Os quadros sempre são bem-vindos, desde de que não passem a ideia de solidão e nem de tristeza. Evite pessoas sozinhas, quadros escuros. Dê preferência para paisagens exuberantes, belas, ou mesmo flores.

O hall sem janela prejudica a circulação de energia. Não é o ideal, porém no Feng Shue existe procedimentos, que minimizam essas situações que não são as ideais. Então, instale uma luz tipo Led para ficar acesa e aí você terá a função da luz natural, para curar essa situação.

Quando o hall é dividido por mais de um apartamento, a sugestão é fazer uma reunião e decidirem, juntos, como preferem a decoração levando em conta, que melhores energias farão bem a todos os que compartilham o mesmo hall.

Plantas com espinhos ou que deem a ideia de agressividade, como em forma de lanças e espadas devem ser evitadas em halls. Essas plantas são indicadas na área de Sucesso, ou lado do Sol do meio-dia de sua casa, desde que não seja o hall.

Os tapetes diante das portas influem e muito, pois são fundamentais, nas condições que explicamos anteriormente. Plantas naturais ou artificiais influem em halls de casas, se verificarmos se o hall fica na área sul, onde há vento, que deve ser barrado com plantas, por exemplo. O vento é um dos fatores que mais prejudicam um bom Feng Shue. Desta forma, devemos, sempre, dar preferência para as plantas naturais, porém, devem estar sempre saudáveis para que tragam boas energias. As posições das plantas dependerão das circunstâncias, do espaço disponível, da quantidade de luz existente, etc.

Seguindo essas pequenas dicas, com certeza, vocês terão uma energia muito bacana nos halls de suas casas, apartamentos, empresas e para maiores esclarecimentos, façam contato no: (98) 9-99833394 e agende a sua visita. Se preferir, você pode nos enviar um e-mail para: espacoholisticoodara2013@gmail.com. E terei enorme prazer em atende-los.

 

%d blogueiros gostam disto: